Do you prefer the english version? Click here! X

Clube Atlético Mineiro

- Diversos -

Você está aqui:

30.08.12 Diversos

Galo empata com a Ponte Preta e mantém liderança isolada do Brasileiro

O Atlético se manteve na liderança isolada do Campeonato Brasileiro ao empatar por 2 a 2 com a Ponte Preta, na noite desta quarta-feira, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

Os gols do Galo foram de Danilinho e Guilherme, com Cicinho marcando duas vezes para a equipe de Campinas.

Com o resultado, o Galo chegou a 44 pontos e se manteve com um ponto a mais que o segundo colocado Fluminense, que empatou por 1 a 1 com o Corinthians, no Rio de Janeiro, também na noite desta quarta-feira.

O time paulista é o próximo adversário do Galo, às 16h de domingo, no Pacaembu.

O Atlético possui um jogo a menos, a partida contra o Flamengo, válida pela 14ª rodada. O jogo foi adiado para o dia 26 de setembro, em Volta Redonda.

Invencibilidade – Com o empate diante da Ponte, o Atlético atingiu um ano de invencibilidade em seus domínios.

A série invicta como mandante teve início na vitória por 2 a 0 sobre o Avaí, no dia 3 de setembro do ano passado, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. O confronto foi válido pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Homenagem – O capitão Réver recebeu, das mãos do vice-presidente do Atlético, Daniel Nepomuceno, uma placa em homenagem aos 100 jogos com a camisa alvinegra. A marca foi completada no clássico do último domingo. O zagueiro também foi presenteado com uma camisa número 100.

O jogo – O Atlético teve a sua primeira oportunidade no cruzamento de Ronaldinho pela esquerda, cortado pela defesa campineira. A Ponte Preta respondeu em cobrança de falta defendida por Victor.

Em lance de contra-ataque iniciado por Ronaldinho com um toque de categoria no meio-campo, Jô cruzou com perigo pela esquerda e a zaga conseguiu interceptar.

Aos 14 minutos, Danilinho arriscou de fora da área, a bola desviou no adversário e enganou o goleiro Edson Bastos: Galo 1 x 0.

O segundo gol quase saiu instantes depois. Jô sofreu falta na intermediária e Ronaldinho cobrou no canto esquerdo, exigindo grande defesa de Edson Bastos.

Em outro lance de categoria de Ronaldinho, ele dominou a bola com precisão na grande área e ajeitou na medida para Escudero concluir por cima, rente ao travessão.

A Ponte Preta empatou aos 39 minutos, com Cicinho, em chute cruzado na grande área pela direita. Ainda no primeiro tempo, o Atlético quase desempatou, mas Edson Bastos impediu o gol com bela intervenção no chute certeiro de Danilinho.

Segundo tempo – O técnico Cuca promoveu a entrada de Guilherme no lugar de Serginho. O Galo iniciou a etapa final pressionando e levou perigo nos cruzamentos de Ronaldinho e Leonardo Silva, cortados pela defesa.

Aos quatro minutos, Marcos Rocha cruzou pela direita, a bola atravessou a grande área e encontrou Guilherme na segunda trave. O atacante acertou um belo chute e fez o segundo gol atleticano: Galo 2 x 1.

Aos 13 minutos, Guilherme fez bom lançamento para Escudero, mas o passe foi interceptado pelo goleiro Edson Bastos. Dois minutos depois, o argentino foi substituído por Neto Berola.

O Galo teve outra boa chance em cruzamento pela esquerda que Jô cabeceou para fora.

Aos 28, Cuca promoveu a estreia de Leonardo, que entrou no lugar de Jô.

Aos 37 minutos, a Ponte Preta chegou ao empate, novamente com Cicinho, em lance no qual a bola desviou no meio do caminho e acabou traindo o goleiro Victor.

Atlético foi para cima e Neto Berola teve a chance de fazer o terceiro, mas finalizou por cima do gol, rente à trave. Em seguida, Neto Berola cabeceou para a grande defesa de Edson Bastos. A pressão continuou em mais dois escanteios, mas a igualdade permaneceu.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 2 x 2 PONTE PRETA
Motivo:
Campeonato Brasileiro (20ª rodada)
Data: 29/8/2012
Estádio: Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gols: Danilinho (14’), Guilherme (49’); Cicinho (37’) (87’)
Público pagante: 18.644
Renda: R$ 588.140,00
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Auxiliares:
Cristhian Passos Sorence (GO) e Nadine Schram Camara Bastos (SC)
Cartões amarelos: Leandro Donizete, Júnior César, Danilinho (Atlético); Luan, Giancarlo (Ponte Preta)
Cartão vermelho: Uendel (Ponte Preta)

Atlético
Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Júnior César, Serginho (Guilherme), Leandro Donizete, Escudero (Neto Berola) e Ronaldinho; Danilinho e Jô (Leonardo). Técnico: Cuca.

Ponte Preta
Edson Bastos; Tiago Alves (André Luis), Ferron e Diego Sacoman; Cicinho, Uendel, Baraka, Marcinho e Ricardinho (Luan); Rildo (Renê Jr.) e Giancarlo. Técnico: Gilson Kleina.

Publicado 30 de agosto de 2012, às 00:00.