Do you prefer the english version? Click here! X

Clube Atlético Mineiro

- Campeonato Brasileiro -

Você está aqui:

01.07.17 Campeonato Brasileiro

Galo tenta confirmar reação no Brasileiro em clássico no Horto


Contando com o apoio da Massa para alcançar o objetivo de consolidar a reação no Campeonato Brasileiro, o Atlético recebe o Cruzeiro às 16h deste domingo, na Arena Independência. O clássico será válido pela 11ª rodada do Brasileirão.

Novamente à disposição do técnico Roger Machado após se recuperar de lesão muscular, o volante Adilson destaca a importância do clássico.

“Independente do momento, o clássico é sempre parecido com uma final. Ninguém quer perder esse jogo, ele é tratado com uma importância muito maior. Espero que a gente não cometa erros e possa vencer porque precisamos criar um lastro no Campeonato Brasileiro para ter tranquilidade para seguir nas outras competições. O importante é somar o máximo de pontos e o clássico está dentro desse quesito”, disse o meio-campista.

Supremacia nas estatísticas O Atlético é o maior vencedor do clássico mineiro, com 200 vitórias, contra 166 do rival. Houve, ainda, 133 empates. O ataque alvinegro marcou 709 gols e a defesa sofreu 634.

Maior Goleada – A maior goleada da história do clássico pertence ao Galo, que venceu o rival por 9 a 2, em 27 de novembro de 1927, pelo Campeonato Mineiro. Os gols foram de Said (3), Mário de Castro (2), Jairo (3) e Getúlio.

Maior Artilheiro – Com 26 gols, o atleticano Guará é o maior artilheiro da história do clássico mineiro. O atacante defendeu o Galo de 1933 a 1941.

Título Histórico – Em 2014, na única decisão nacional protagonizada por Atlético e Cruzeiro, o Galo conquistou a Copa do Brasil com duas vitórias na final: 2 x 0 na Arena Independência (Luan, Dátolo) e 1 x 0 no Mineirão (Diego Tardelli).

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO x CRUZEIRO
Motivo:
Campeonato Brasileiro – 11ª rodada
Data: 02/07/2017
Hora: 16h
Estádio: Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Anderson Daronco (FIFA/RS)
Auxiliares: Rafael da Silva Alves (CBF/RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Júnior (CBF/RS)
4º Árbitro: Michael Stanislau (CBF/RS)

Publicado 01 de julho de 2017, às 14:50.